Posts Recentes

Quatro Mundos, de Rafael Pombo

27 maio 2018


Quatro Mundos” é uma publicação independente do autor nacional Rafael Pombo que se encontra disponível para leitura em e-book na Amazon. Este é um livro de contos que traz quatro histórias onde a resiliência é algo em comum, apesar de seus personagens e até os mundos onde as histórias se passam serem diferentes um do outro.


Ficha Técnica
Título: Quatro Mundos | Autor: Rafael Pombo | Ano: 2017 | Páginas: 150 | Idioma: português | Editora: publicação independente

Os quatro contos são bem, bem curtinhos mesmo, mas o autor conseguiu de forma brilhante nos fazer apegar aos personagens rapidamente e a entender o mundo em que ele estava inserido. Na minha concepção, não existe nenhuma “moral” óbvia ao concluir cada conto, mas sim histórias que, apesar de serem curtas, têm o poder de fazer o leitor parar para refletir sobre o que acabou de ler.

Em “Trovão do Céu Azul”, vamos conhecer três irmãos órfãos, onde a irmã mais velha se vê obrigada assumir responsabilidades grandiosas para sua idade, como sustentar e educar os dois irmãos mais novos. Mas a história tem ainda mais elementos interessantes como magia! Além de levantar alguns questionamentos e segredos entre os irmãos.

O fim do som dos motores foi o fim do jugo de seus devaneios. Não era mais aquela Jisa; não podia ser.
O segundo conto se chama “Espadas do Sacrifício”. Para mim, foi o conto que menos gostei. Um mundo onde o vilarejo de Ardan é destruído por demônios e o espírito de sua irmã fica aprisionado a uma espada mágica e os dois partem em busca de derrotar o responsável por toda essa desgraça. Porém, no caminho, eles acabam conhecendo alguém que pode mudar um pouco seus planos.

Mais do que morte no ar, havia... um resquício penetrante de algo hediondo, destruidor, que não devia existir, e ainda assim era quase palpável.

Já em “Adagas e Aranhas”, Jolan faz parte de uma tropa militar responsável por destruir fantasmas em um mundo onde as pessoas não morrem de fato quando são mortas. Um mundo onde fantasmas atacam pessoas e sugam suas almas e onde Jolan está em busca de vingança pela morte de seus pais. Para mim, este foi o melhor conto de todos! Além de possuir um grande potencial para vir a ser um romance completo que, eu ao menos, gostaria muitíssimo de ler.

Fantasmas não são nosso real problema. Eles são uma consequência de quem nós somos. Se eles se corrompem, é porque nós nos corrompemos.

Por fim, “Mil Grous de Papel” nos traz a história de Murilo. Um menino brasileiro que mora no Japão com a família e se vê muito preocupado e inseguro quando seu pai perde o emprego e é obrigado a sair de sua escola para brasileiros para estudar em uma escola pública japonesa, sem falar ou entender quase nada do idioma. Porém, no dia anterior a seu primeiro dia de aula o menino tem um sonho com uma criatura estranha e a partir daí passa a falar e entender o idioma como se fosse nativo. Eu sei que essa premissa pode parecer estranha, mas essa é minha segunda história favorita do livro e o desenrolar da história traz surpresas muito interessantes.

― Ohayō. Konnichiwa. Sumimasen. Wakarimasen. Hajimemashite. Boku wa Muriro Arai desu. Namae wa? Ohayō. Konnichiwa. Sumimasen. Wakari… ma… sen… ​Adormeci praticando algumas palavras e expressões de um livrinho que achei em casa. ​Tive um sonho fantástico.

Gostei muito da leitura de “Quatro Mundos” e de seus personagens, como disse, o autor consegue envolver o leitor muito rapidamente, o que é ótimo, além de nos fazer ter vontade de saber ainda mais sobre o desenrolar das histórias após o final de cada conto.
Comentários
28 Comentários

28 comentários :

  1. Não conhecia a obra e achei bem interessante os contos abordarem sobre a resiliência.

    Sua resenha está muito bem pontuada. Adoro histórias onde conseguimos uma imersão completa à leitura de maneira rápida.
    Bjs.

    www.alempaginas.com

    ResponderExcluir
  2. Não conheço o autor, mas adoro um bom conto e fiquei bem curiosa quanto a resiliência destes. Mas saber que tem conto para fazer refletir e conto perfeito para virar romance já me deixa bem animada. Vou anotar essa dica e procurar por Quatro Mundos no Amazon.

    Abraços.
    https://cabinedeleitura0.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Ei! Achei super legal! Meu único porém é serem contos, odeio estórias curtas, porque sempre quero ler mais e elas já acabaram. Não conhecia o autor e gostei muito das premissas de Trovão do Céu Azul e Adagas e Aranhas, fazem muito meu estilo de leitura. E espero que neste último vire mesmo um romance maior. Obrigada pela dica!


    Bjoxx ~ www.stalker-literaria.com

    ResponderExcluir
  4. Olá
    Eu não conhecia essa obra, porei eu não sou muito chegado a contos,;tentei muitas vezes ler e não me descia rsrs. Adorei as suas opiniões a cerca da obra, por eu hoje eu passarei a sua dica. Bjs

    ResponderExcluir
  5. Oi, Carol.
    Gostei bastante da sua resenha e da forma como você conseguiu resumir cada um dos contos. Geralmente, como são histórias mais curtas, é bem complicado escrever sobre eles sem deixar escapar algum spoiler, mas você conseguiu! E me deixou curiosa!
    Adoro contos e histórias fantásticas, então acho que será uma ótima pedida!
    beijos
    Camis - blog Leitora Compulsiva

    ResponderExcluir
  6. Oii tudo bem??

    Adoro conhecer autores novos com publicações independentes.
    Fiquei bem curiosa quanto aos contos e com vontade de ler, vou procurar na amazon.
    Adorei a resenha.
    Bjus Rafa

    ResponderExcluir
  7. Oi, Carol! Ainda não conhecia o autor, não que me lembre, mas gostei bastante da sua indicação. Contos não tem sido minha primeira escolha de leitura, mas é sempre bom termos boas referências quando quisermos ler algo diferente do comum.
    Bjs
    Lucy - Por essas páginas

    ResponderExcluir
  8. Eu sou extremamente medrosa, então só de imaginar alguém sugando minha alma já fico cheia de arrepios hahaha A obra me parece curtinha, daquele tipo que lemos em uma sentada e é ótimo pra curar a ressaca literaria ne? Repassarei a dica para amigos.

    ResponderExcluir
  9. Oi.
    Se tem uma coisa que eu preciso no momento é resiliência.
    Quanto ao livro, gostei muito dos enredos dos contos e realmente os dois últimos parecem capazes de dar origem a um romance completo.
    Adorei a resenha e fiquei curiosa para conferir a obra, parece uma leitura que eu gostaria de fazer.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  10. Oi Carol, tudo bem?
    Faz um tempinho que não leio livros de contos, ainda mais quando envolvem tanto assim o leitor. Fiquei curiosa para conhecer esses personagens e saber como o autor envolve tanto o leitor, já que não é algo fácil, principalmente, em contos.
    Depois de você ter se desmanchado em tantos elogios, como posso não desejar esse livro?
    Amei a resenha!
    Beijos,
    http://www.umoceanodehistorias.com/

    ResponderExcluir
  11. Olá!
    Gosto quando as histórias são capazes de nos fazer refletir e ainda trazer questões que devemos levar para a vida.
    Não conhecia o autor mas adorei os quotes selecionados, me deixaram instigada para conhecer mais desses personagens.
    Beijos!

    Camila de Moraes

    ResponderExcluir
  12. Oi, tudo bem?
    Eu ainda não conhecia esse autor e nem o livro, mas adorei ler sua resenha. Gostei de saber que, apesar de não trazerem ums lição clara no final, esses contos fazem o leitor refletir sobre o que leu. No entanto, confesso que nenhum deles despertou minha curiosidade e, como não sou muito de ler contos, acho que vou passar a dica desta vez.
    De qualquer forma, adorei sua resenha e acho que esta é uma ótima dica para quem gosta de ler contos.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  13. Olá! Tudo bom?

    Confesso que não sou muito de ler conto e que ainda não tinha ouvido falar do livro. Gostei de saber que mesmo sendo curtos, nós conseguimos nos apegar aos personagens, é um grande feito. Dos contos que você citou o que eu mais fiquei curiosa foi Mil Grous de Papel, tem cara de ser bom. Enfim, adorei o post ♥

    Beijos

    ResponderExcluir
  14. Olá, tudo bem?

    Não conhecia essa obra, e apesar de ler contos, essa história não me cativou. Apesar de ver que tudo é bem construído, que nós acabamos nos apegando aos personagens, eu dispenso a leitura.

    Beijos

    ResponderExcluir
  15. Oiee ^^
    "Adagas e aranhas" parece ser incrível! Fui lendo o que você disse a respeito do conto e já me imaginando com um romance completo em mãos...haha' seria uma boa, e eu leria com toda a certeza! Eu ainda não conhecia o livro e nem o autor, mas fiquei bastante curiosa para ler esse conto que mencionei, os outros também, mas este mais!
    MilkMilks ♥

    ResponderExcluir
  16. Olá, eu gosto muito de contos, então já leria esse livro, ainda mais após conferi sua resenha e saber um pouco mais sobre cada uma das histórias que compõem a obra.

    petalasdeliberdade.blogspot.com

    ResponderExcluir
  17. Olá, tudo bem?
    Eu não conhecia o autor, adoro contos e confesso que fiquei super intrigado com essa obra e quero conhecer a escrita do Rafael Pombo. Gostei da sua publicação, vou tentar realizar essa leitura!
    Abraço!

    ResponderExcluir
  18. Olá
    Realmente parece ser muito bom, lendo um pouco sobre cada conto fiquei curiosa para conhecer um pouco mais. Quando li que tinha magia já vi que era feito para mim, amo contos que te prende as vezes e bom para sair de uma bela ressaca liyerarol. Não conhecia obautor, mas já vou deixar aqui na lista de desejados. Beijos!!

    ResponderExcluir
  19. Olá,

    Desconhecia essa obra, confesso que não costumo ler muitos contos, mas o que mais me chamou a atenção foi Trovão do Céu Azul, fiquei intrigada em como a magia será inserida no contexto. Se a oportunidade surgir, darei uma chance a essa leitura.

    Beijos,
    oculoselivrosblog.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  20. Olá, tudo bom?
    Não conhecia esses quatro contos, mas adorei saber que o ponto em comum entre eles é a resiliência existente. Apesar de serem contos (algo que não costumo ler), fiquei bem intrigada para conferir e ver como foram desenvolvidos os contos, principalmente este que envolve um pouco de fantasia.
    Sugestão mais que anotada!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  21. Oi, tudo bem?
    Não conhecia os contos e nem o autor, achei a premissa muito interessante, até porque não é algo que encontramos. Ultimamente tenho tentado sair da minha casinha, correr fora do meu casulo confortável de leitura. Salvei o nome para comprar assim que puder e espero gostar! Beijos

    ResponderExcluir
  22. Oi, Carol

    Não conhecia nem o livro e nem o autor e confesso que não gostei da capa. E infelizmente somente um dos contos chamou minha atenção, que foi o último. Fiquei curiosa para saber mais sobre como acontece essa virada dele começar a falar japonês!

    Beijos

    ResponderExcluir
  23. Olá,
    Bem interessante este livro, os contos apesar de serem curtos como você falou, tem histórias bem curiosas e diferentes entre si. Mas todas parecem trazer uma mensagem bem especial. Nao conhecia o autor, mas após a sua resenha vou adquirir o livro na Amazon

    ResponderExcluir
  24. Olá,
    Bem interessante este livro, os contos apesar de serem curtos como você falou, tem histórias bem curiosas e diferentes entre si. Mas todas parecem trazer uma mensagem bem especial. Nao conhecia o autor, mas após a sua resenha vou adquirir o livro na Amazon

    ResponderExcluir
  25. Oii.
    Não conhecia esse livro, acho que é porque eu não tenho muita familiaridade com o gênero. Mas gostei muito fato de ter contos, estou muito na vibe de histórias curtas.
    Obrigada pela dica.
    Bjs Mary

    ResponderExcluir
  26. Gostei. A premissa de envolver o leitor e trazer reflexão é ótima. E é sempre bom conhecer novos autores nacionais.

    ResponderExcluir
  27. Oie!
    Confesso que nao conhecia o autor e nem a sua obra. Achei a tematica dos contos bem interessante e inovadora, mas infelizmente eu não me dou muito bem com contos, por isso, prefiro passar a dica, mas indicarei para o pessoal do blog que curte um bom conto!


    beijos

    ResponderExcluir
  28. Oi Carol,
    Ainda não conhecia a obra, e gostei bastante de trazer um tema interessante para os contos. Uma ótima oportunidade de conhecer novas perspectivas.
    Bjim!
    Tammy

    ResponderExcluir